O comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente é o profissional que atua com a venda de peças específicas deste segmento, apresentando produtos que atendem diversos tipos de equipamentos de fotos e vídeos. 

Ainda que não possa vender câmeras, o comerciante de artigos fotográficos e para filmagem pode oferecer itens como lentes, disparadores de flash, baterias, filtros, cartões de memória etc. 

Para se manter competitivo neste tipo de mercado, é necessário estar antenado com as novidades tecnológicas e os lançamentos realizados pelas marcas, além de possuir conhecimento técnico. 

Comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente pode abrir MEI? 

Sim, o comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente pode ser MEI, visto que sua profissão está compreendida no Catálogo Nacional de Atividades Econômicas. 

Sua subclasse está representada pelo CNAE 4789-0/08 – Comércio varejista de artigos fotográficos e para filmagem.

Todos os detalhes sobre a hierarquia desta função podem ser vistos ao longo deste texto. 

Dúvidas comuns sobre a atividade de comerciante de artigos fotográficos e para filmagem MEI

Formalizar uma atividade não tem segredo nenhum quando o profissional opta pelo MEI. Ainda que este modelo seja bastante conhecido, sempre há alguns questionamentos em relação ao seu funcionamento. 

Então, confira na sequência um compilado com as principais informações deste enquadramento e também um passo a passo de como abrir o seu MEI.

– Quais são as formas de atuação do comerciante de artigos fotográficos e para filmagem MEI?

A atuação do CNAE de comerciante de artigos fotográficos e para filmagem é bem específica, ainda que este profissional possa atuar com diversos tipos de produtos. 

Seja vendendo online ou em uma loja física, os itens que podem ser comercializados são peças como tripés, lentes, baterias, objetivas, flashes, monopés, microfones, etc. 

– Como abrir MEI para comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente?

Imagine poder abrir a sua empresa sem ter que sair de casa, usando apenas seu computador ou celular com acesso à internet. Com o MEI é exatamente assim! 

Sem burocracias, demora ou cobrança de taxas, em um processo completamente digital e gratuito, você se torna um microempreendedor individual. Veja o passo a passo abaixo:

1: Acesse o Portal do Empreendedor, escolha a opção “Quero ser MEI” e depois clique em “Formalize-se”;

  1. 2. O segundo passo é fazer o cadastro, preenchendo os dados solicitados, tais como nome, CPF, RG, endereço etc;

3: Marque corretamente o CNAE de comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente 4789-0/08;

4: Na sequência, o sistema vai gerar o Certificado MEI, que disponibiliza o CNPJ do seu negócio;

5: Para finalizar, é preciso registrar o CNPJ na prefeitura de sua cidade, presencialmente ou pela internet. Esta etapa é essencial para que você consiga um alvará e emita notas fiscais de seus serviços. 

É importante lembrar que a abertura do MEI é gratuita e a única plataforma oficial para este processo é o Portal do Empreendedor. 

– Como funciona o MEI para comerciante de artigos fotográficos e para filmagem?

O MEI atende mais de 400 atividades e permite que profissionais dos quatro cantos do Brasil consigam abrir seu próprio negócio ou formalizar sua função, tendo ainda acesso a diversos benefícios. 

Mas para isso, é necessário que o autônomo atenda às seguintes demandas:

  • Não ser sócio em nenhuma outra empresa; 
  • Ter um faturamento anual de até R$ 81 mil;
  • Contratar no máximo um funcionário para seu negócio.

Se estiver dentro do perfil, não há qualquer impeditivo para abrir o MEI ou continuar atuando neste modelo. Porém, deve-se cumprir, periodicamente, algumas obrigações fiscais que são bem simples. 

A primeira delas é fazer a entrega da declaração anual de faturamento, a DASN-SIMEI, cujo prazo limite é sempre no dia 31 de maio.

Além disso, há a contribuição mensal pela qual o comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente MEI paga imposto.

Trata-se do boleto DAS MEI (Documento de Arrecadação do Simples Nacional), no qual estão incluídos impostos como o INSS, ISS e ICMS. Seu valor é fixo e precisa ser pago todos os meses. 

– Quais os benefícios do MEI comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente?

As vantagens que este enquadramento proporciona aos seus usuários são diversas. Na questão financeira, por exemplo, o microempreendedor individual consegue ter acesso a crédito facilitado em diversas instituições bancárias. 

Se for contratar um funcionário para seu negócio, a carga tributária desta contratação será bem inferior à praticada nas demais modalidades. 

Além disso, o comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente MEI tem direito a pensão por morte, salário maternidade, auxílio doença e aposentadoria. 

– O que não se encaixa nas atividades de comerciante de artigos fotográficos e para filmagem?

Apesar de vender diversos artigos deste segmento, o comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente 4789-0/08 não pode atuar com a venda de câmeras filmadoras, fotográficas e similares, pois esta atividade integra outro CNAE.

A seguir, confira mais informações sobre a hierarquia desta subclasse. 

Atividades permitidas para Comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente MEI

Código Descrição
4789008 Comércio varejista artigos fotográficos e cinematográficos
4789008 Comércio varejista materiais, artigos fotográficos
4789008 Comércio varejista filmes fotográficos

CNAE Comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente MEI

Hierarquia de atividades
Seção G Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas
Divisão 47 Comércio varejista
Grupo G Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas
Classe 47890 Comércio varejista de outros produtos novos não especificados anteriormente
CNAE 4789008 Comércio varejista de artigos fotográficos e para filmagem

Ferramentas para a atividade de comerciante de artigos fotográficos e para filmagem MEI 

Entre os itens que não podem faltar para que o comerciante de artigos fotográficos e para filmagem independente MEI desempenhe suas atividades em uma loja estão computador, caixa registradora, balcão para atendimento, prateleiras, blocos de pedidos etc. 

Caso monte uma loja online, é preciso ter computador, um site, plataforma para pagamento, embalagens etc.