O profissional responsável por assegurar o fio de cortes utilizados no ofício da cutelaria é conhecido como amolador de artigos de cutelaria. Para exercer esta profissão, é necessário que o trabalhador tenha muito conhecimento. 

Este trabalhador precisa entender tanto dos materiais de corte quanto das técnicas necessárias para conseguir afiar navalhas, facas e outros itens.

Amolador de artigos de cutelaria pode ser MEI?

Quem trabalha como amolador pode, sim, se tornar MEI. Sua atuação faz parte do CNAE 9529-1/99 – Reparação e manutenção de outros objetos e equipamentos pessoais e domésticos não especificados anteriormente

O trabalho deste profissional faz parte do grupo de reparação e manutenção de objetos e equipamentos pessoais e domésticos. Você poderá ver abaixo todas as informações sobre a hierarquia do CNAE desta profissão.

Dúvidas comuns sobre a atividade do amolador de artigos de cutelaria MEI

Existem algumas dúvidas quanto ao trabalho do amolador de artigos de cutelaria como microempreendedor individual. Veja as principais e suas respectivas respostas.

1 . Quais são as formas de atuação do amolador de artigos de cutelaria MEI?

O exercício desta profissão está ligado a diferentes atividades. Profissionais inscritos neste CNAE podem fazer o trabalho de amolar artigos de cutelaria, como explicado anteriormente, mas também há outras funções possíveis. 

Trabalhadores que atuam na parte de reparos, fazendo o conserto destes artigos, também são enquadrados neste código. Dentro das atribuições do profissional estão, por exemplo, a identificação de pontos a serem inspecionados e a preparação das máquinas de afiar.   

2 . Como abrir um MEI para o amolador de artigos de cutelaria?

Abrir um MEI para o amolador de artigos de cutelaria independente é bastante simples. Cabe ao profissional apenas fazer um cadastro gratuito no site do Governo Federal, dentro do Portal do Empreendedor.

Além de não pagar para se formalizar, o empreendedor consegue finalizar este procedimento em poucos minutos. Ao terminar a sessão, ele já terá seu CNPJ em mãos para que comece a trabalhar regulamentado.

Vale ficar atento, no entanto, às regras para emissão de nota fiscal, pois o cadastro no Portal do Empreendedor não dá essa permissão para o amolador de artigos de cutelaria MEI.

Para isso, será necessário abrir um pedido de autorização com a Secretaria de Fazenda do Estado em que a empresa está registrada. Além disso, há detalhes que podem mudar de acordo com o município, portanto, é importante buscar pelas regras de cada cidade.

3 . Como funciona o MEI para amolador de artigos de cutelaria?

O trabalhador que se cadastra no MEI para atuar como amolador de artigos de cutelaria obtém um CNPJ, passando a funcionar como uma microempresa. Junto disso vêm obrigações fiscais, mas, em contrapartida, há uma regularização e a obtenção de diversos benefícios. 

Todos os profissionais que atuam como microempreendedores individuais passam a contribuir com o INSS, o que traz diversas vantagens. Ele tem, por exemplo, o direito à aposentadoria, algo que não seria possível sem a formalização. Há, também, a possibilidade de receber salário maternidade e auxílio doença, por exemplo. 

Caso seja necessário, o microempreendedor também pode contratar alguém para ajudá-lo no trabalho. Entretanto, essa contratação é limitada a um único funcionário.

Para ter acesso a estas vantagens, o MEI assume o compromisso de estar em dia com o boleto DAS, que é o pagamento mensal necessário para a manutenção da microempresa. Ele também precisa entregar, anualmente, um documento conhecido como DASN-SIMEI, para declarar seu faturamento.

Muitos ficam em dúvida se o amolador de artigos de cutelaria MEI paga imposto. A declaração de Imposto de Renda deve ser feita por todas as pessoas jurídicas que se enquadrem nos critérios da Receita Federal.

Na figura da empresa, como pessoa física, todos os impostos estão inclusos no DAS. O pagamento mensal considera 5% de um salário mínimo como contribuição ao INSS, enquanto o restante diz respeito ao ISS, um imposto municipal para prestação de serviços. 

4 . O que não se encaixa nas atividades de amolador de artigos de cutelaria?

Todos os trabalhos relacionados à afiação ou reparo de artigos de cutelaria podem ser enquadrados como atividades deste profissional.

Entretanto, atividades de comércio não fazem parte das funções deste trabalhador. Comerciantes de artigos de cutelaria, por exemplo, devem ser incluídos em outro CNAE. 

CNAE Amolador(a) de artigos de cutelaria independente MEI

Hierarquia de atividades
Seção
Divisão
Grupo
Classe
CNAE

Ferramentas para a atividade MEI de amolador de artigos de cutelaria

Quem trabalha como amolador de artigos de cutelaria MEI precisa adquirir algumas ferramentas para a execução de suas atividades. É necessário, por exemplo, ter um amolador ou máquina de afiação.

Além disso, também é necessário ficar atento aos requisitos de segurança, portanto, é preciso adquirir todos os materiais que garantirão uma execução segura do trabalho!