Alfaiate independente é a profissão de quem atua na criação de roupas masculinas sob medida, como coletes, ternos, calças, entre outras vestimentas.

Na alfaiataria, a confecção destes trajes é artesanal, o que confere total exclusividade. O profissional, portanto, precisa calcular todas as medidas de seu cliente para providenciar o tecido e, posteriormente, realizar os cortes e costuras da peça.

 Alfaiate independente pode ser MEI?

Assim como diversas atividades que não têm regulamentação por alguma entidade de classe, o alfaiate independente pode ser MEI sim.

Esta, inclusive, é uma maneira simples e prática do profissional conseguir um CNPJ e passar a emitir notas fiscais pelos serviços prestados.

O CNAE de alfaiataria independente é 1412-6/02 – Confecção, sob medida, de peças do vestuário, exceto roupas íntimas.

Ao longo deste texto, será possível conferir a tabela com a descrição desta atividade e a hierarquia da profissão.

Dúvidas comuns sobre a atividade de alfaiate independente

Ao se deparar com esta atividade na lista do CNAE, podem haver muitas dúvidas sobre o que é a profissão de alfaiate MEI, como esta ocupação funciona na prática, quais os benefícios e obrigações.

Para sanar todos estes questionamentos, separamos os principais pontos que você precisa saber sobre o alfaiate MEI. Confira abaixo!

– Quais as formas de atuação do alfaiate independente MEI?

Por ser um profissional autônomo, o mais comum é que o alfaiate MEI tenha seu próprio ateliê. O local servirá como ambiente de trabalho para que o empreendedor possa tirar as medidas de seus clientes e confeccionar a roupa de alfaiataria.

– Como abrir um MEI para alfaiate independente?

O passo a passo da formalização como MEI é rápido, descomplicado e totalmente gratuito. Primeiro, é preciso saber se a sua profissão pode ter este tipo de registro, é claro. E, como vimos, o alfaiate independente pode ser MEI.

Depois, é preciso entrar no Portal do Empreendedor. É importante ficar atento se o site que você entrou tem a extensão “.gov.br”  para garantir que o portal é do Governo Federal.

Ao entrar no site, você verá a opção “Quero ser MEI”. Clique nela e depois vá em “Formalize-se”.

Nesta parte será necessário realizar um cadastro com informações como o seu nome completo, telefone, endereço, RG e CPF. Também é importante ter o seu título de eleitor ou a sua Declaração Anual de Imposto de Renda em mãos.

Na hora de colocar o número do CNAE, é preciso muita atenção para não cometer erros de digitação. O que muitas pessoas acabam se perguntando é se o CNAE de alfaiataria é serviço ou indústria. Então, já adiantamos que esta ocupação se enquadra como serviço unicamente.

Termine de preencher as informações e finalize o cadastro para ganhar o seu certificado de alfaiate independente MEI. É nele que estarão descritas todas as informações sobre o seu negócio, incluindo o seu CNPJ.  Por isso, é de extrema importância que você imprima este certificado ou o guarde digitalmente.

O último passo é ir até a Prefeitura da sua cidade para realizar o cadastro de seu negócio e, assim, você já poderá emitir suas notas fiscais.

Viu como é fácil abrir um MEI de alfaiate independente?

– Como funciona um MEI de alfaiate independente?

O MEI é uma maneira descomplicada para profissionais autônomos poderem ter um CNPJ e, assim, emitirem notas fiscais para seus serviços e/ou produtos. No entanto, o registro de microempreendedor individual não se resume a isso.

Por meio da contribuição mensal, o DAS, o alfaiate independente MEI também terá direito aos benefícios previdenciários, o que permitirá, por exemplo, que ele receba aposentadoria por idade ou até mesmo invalidez, salário-maternidade, auxílio doença, pensão por morte, dentre outros.

Mas essas vantagens do alfaiate MEI dependem do pagamento correto da contribuição mensal, o DAS, que mencionamos anteriormente.

Outro ponto muito importante é que para conseguir o registro de microempreendedor individual, o profissional não poderá ter um faturamento anual acima de R$ 81 mil, nem ser dono, sócio ou administrador de qualquer empresa.

Ainda, o seu negócio não pode ter mais de um funcionário contratado. Cumprindo estas exigências, não haverá problema algum em abrir um MEI.

E a dúvida que não quer calar é: alfaiate independente paga imposto? Sim, como qualquer outro profissional, o empreendedor de alfaiataria paga imposto, mas os valores são reduzidos e todas as tributações estão inclusas no próprio DAS, como o Imposto de Renda, ISS, Pis e Confins.

Isso quer dizer que pagando o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS), o alfaiate independente já estará quitando os seus impostos.

As obrigações deste profissional incluem pagar o DAS e a Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (DASN-SMEI) somente.

– O que não se encaixa nas atividades de alfaiate independente?

O setor de vestuário é imenso e abrange diversas profissões, mas nem todas possuem o mesmo CNAE do alfaiate independente MEI.

A confecção sob medida de roupas profissionais, por exemplo, tem um código de atividades distinto, assim como a reparação ou conserto de peças para vestuário.

Para conferir mais dicas sobre o conserto de roupas, basta clicar aqui

Atividades permitidas para Alfaiate Independente MEI

Código Descrição
1412602 Confecção sob medida (exceto para roupas íntimas) costureiras
1412602 Confecção sob medida de vestidos e costumes
1412602 Confecção sob medida de jaquetas
1412602 Alfaiate
1412602 Confecção sob medida de calcas compridas
1412602 Confecção sob medida de ternos
1412602 Confecção sob medida de blusas e camisas para crianças
1412602 Confecção sob medida de roupas esportivas
1412602 Camiseiros (confecção de camisas sob medida)
1412602 Confecção sob medida de roupas de praia
1412602 Confecção sob medida de blusas femininas
1412602 Confecção sob medida de casacos
1412602 Confecção sob medida de blusas, blusões e camisas esporte para homens
1412602 Confecção sob medida de camisa social
1412602 Blusas e blusões camisas

CNAE Alfaiate Independente MEI

Hierarquia de atividades
Seção C Indústrias de transformação
Divisão 14 Confecção de artigos do vestuário e acessórios
Grupo C Indústrias de transformação
Classe 14126 Confecção de peças de vestuário, exceto roupas íntimas
CNAE 1412602 Confecção, sob medida, de peças do vestuário, exceto roupas íntimas

– Ferramentas para atividade MEI de alfaiate independente

Depois de entender o que o alfaiate independente faz fica claro que uma de suas competências é saber manusear ferramentas de corte e costura. É preciso ter precisão e técnica. Conhecimentos sobre moda podem aperfeiçoar seu trabalho, mas para isso é preciso se atualizar constantemente sobre este universo.