O nomadismo digital é uma tendência de mercado que conquistou a nova geração de profissionais. Atualmente, graças aos avanços tecnológicos, é possível trabalhar de qualquer lugar do mundo

Há inúmeras possibilidades para aqueles que desejam fugir da rotina tradicionalista de trabalho. Mas, você sabia que muitas delas se enquadram na categoria MEI?

Para começo de conversa, você já ouviu falar de nomadismo digital? Essa é uma tendência que retrata, basicamente, a possibilidade de trabalhar viajando. Ou seja, desempenhar sua função de qualquer lugar do mundo. Com um computador em mãos e uma boa conexão de internet, é possível conquistar a tão sonhada liberdade e fugir da rotina tradicionalista imposta pelo mercado de trabalho. 

Por que ficar preso a um único lugar se você pode desfrutar de diversas paisagens, culturas e experiências?

No entanto, muitos ainda têm medo do desconhecido e, por isso, desistem de arriscar, alegando que a falta de segurança é um dos fatores que mais impactaram nessa decisão. Mas, você sabia que é possível ser nômade digital e MEI, tendo acesso a todos os benefícios previdenciários e à emissão de notas fiscais? 

Pois é! Dentre as inúmeras possibilidades de atividades e funções que podem ser desempenhadas nessa condição nômade de trabalho, há aquelas que se enquadram na categoria MEI. É claro que, neste caso, o profissional tem maior segurança, uma vez que continuará contribuindo ao INSS e sendo respaldado pela Previdência com auxílio doença e salário maternidade, por exemplo. 

Quer ver só como é fácil sair da rotina sendo MEI? 

Na pauta de hoje, vamos apresentar quatro profissões que, além te de permitir trabalhar viajando para qualquer parte do mundo, ainda te enquadra na categoria MEI. 

VEJA: Confira aqui a lista completa de profissões que se enquadram na categoria MEI 

DIGITADOR INDEPENDENTE 

Digitador ou digitadora é o profissional responsável por organizar documentos e digitar e diagramar textos, tabelas, notas, laudos, etc. Ou seja, para realizar este trabalho é preciso ter apenas um computador em mãos, o que te permite realiza-lo de onde estiver. Diante dessa possibilidade, esta é uma profissão que pode ser formalizada, oferecendo credibilidade ao trabalho do profissional. 

CNAE

8219-9/99

EDITOR DE VÍDEO INDEPENDENTE 

Editores de vídeo cadastrados no MEI podem exercer atividades voltadas para a edição de filmes envolvendo transposição do filme em película para fita, colocação de títulos e legendas, edição dos créditos, animação e efeitos especiais; processamento e montagem de filmes cinematográficos e reprodução de cópias de filmes cinematográficos (em película) a partir de matrizes originais para distribuição em salas de projeção. 

Além disso, esse profissional também poderá desenvolver atividades relacionadas aos laboratórios de filmes cinematográficos e laboratórios especiais para filmes de animação.

CNAE

5912-0/99

GUIA DE TURISMO INDEPENDENTE 

Como guia de turismo, o profissional não precisa, necessariamente, desempenhar sua função por meio de um computador conectado à internet. Neste caso, é possível exercer a profissão em diferentes partes e paisagens do mundo, uma vez que este é o profissional responsável por organizar pacotes turísticos e excursões que são vendidas em agências de viagens ou diretamente ao cliente. As excursões podem incluir: transporte, alojamento, alimentação, visitas a museus, lugares históricos e culturais, teatro, música e eventos esportivos.

CNAE

7912-1/00

INSTRUTOR DE IDIOMAS INDEPENDENTE 

É fluente em algum idioma? Que tal ensinar uma nova língua enquanto viaja pelo Brasil? 

Trabalhar como instrutor de idiomas por meio do MEI pode ajudar profissionais desta área a trabalhar com novos públicos. Com um CNPJ ativo, esta classe empreendedora poderá gerar notas fiscais para pessoas físicas e empresas, o que possibilita o crescimento de sua cartela de clientes, ampliando assim o mercado de atuação.

CNAE

8593-7/00

ATENÇÃO!

É preciso lembrar, neste caso, a diferença entre a condição de trabalhar viajando da situação de mudança fixa de endereço. Enquanto estiver viajando, você deve ter um endereço fixo, no qual sua MEI está cadastrada, em sua cidade de origem. Caso haja mudança fixa de endereço, é preciso realizar a alteração de dados cadastrais no Portal do Empreendedor. 

VEJA: Confira como realizar a transferência de sua MEI para outro município 

Caso você tenha essa vontade de experimentar a liberdade de gerenciar o próprio tempo e espaço de trabalho, aventurando-se pelo nomadismo digital, não deixe de se formalizar como MEI agora mesmo, garantindo, assim, seus benefícios previdenciários e tornando sua atividade regularizada no mercado de trabalho. 

VEJA: Formalize-se com a DicasMEI! 

Conseguimos te inspirar?

Para ler mais matérias como esta, continue navegando em nosso blog.