O comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios atua em um segmento que cresce cada vez mais pela elevada adesão de pessoas às políticas de mobilidade urbana. 

Com a implantação de ciclovias e ciclofaixas, o comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios consegue atender um nicho em expansão, oferecendo os mais diversos tipos de bicicletas, patinetes, triciclos, entre outros. 

Comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios pode abrir MEI? 

Sim, o comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios pode ser MEI, afinal esta é mais uma das centenas de ofícios que integram o Catálogo Nacional de Atividades Econômicas.

Esta subclasse está representada pelo CNAE 4763-6/03 – Comércio varejista de bicicletas e triciclos; peças e acessórios. 

Dúvidas comuns sobre a atividade de comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios MEI

Muitas pessoas desejam abrir seu próprio negócio, mas o medo da burocracia e da alta carga tributária acabam afastando esse plano. 

Entretanto, o MEI chega para facilitar esse processo e mudar a realidade de inúmeros profissionais. Por isso, confira abaixo um guia completo sobre como funciona esta modalidade. 

– Quais são as formas de atuação do comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios MEI?

O MEI para comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios está relacionado basicamente à venda de produtos que fazem parte deste universo de bikes. 

Este microempreendedor pode comercializar no varejo bicicletas para uso pessoal, profissional, patinetes, triciclos, além de equipamentos como capacetes, pedais, suspensão, rodas, pedivelas, guidões etc.

– Como abrir MEI para comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios?

A abertura do MEI é um processo que passa longe de qualquer complicação. Além de ser totalmente digital e gratuito, basta apenas utilizar um dispositivo conectado à internet para se tornar um microempreendedor individual. 

O procedimento é feito em poucos minutos, e o primeiro passo é acessar a plataforma oficial do governo federal chamada de Portal do Empreendedor. 

Logo na página inicial, você encontra a opção “Quero ser MEI”, clique nela e, na sequência, vá em “Formalize-se”. 

Depois disso, é o momento de realizar o cadastro, informando todos os dados solicitados pelo portal, como nome, endereço, telefone, CPF, RG etc. 

Indique também o CNAE de comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios 4763-6/03.

O cadastro é finalizado com a emissão automática do Certificado MEI, que apresenta o CNPJ do seu negócio. Vale guardar este documento impresso ou digitalmente. 

Para finalizar sua jornada de abertura do MEI, é necessário registrar o CNPJ na prefeitura de sua cidade, um processo que pode ser online ou presencial. Esta etapa permite que, posteriormente, você emita notas fiscais e também obtenha um alvará. 

– Como funciona o MEI para comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios?

O cadastro no Portal do Empreendedor é bastante simples, contudo, existem algumas exigências para que o profissional se torne MEI e se mantenha neste modelo. 

Estes requisitos devem ser cumpridos por pessoas que desempenham as mais de 400 atividades aceitas neste enquadramento. 

O primeiro ponto a ser considerado é que o autônomo não pode ser sócio em nenhuma outra empresa. E depois de abrir o seu negócio, é permitido fazer a contratação de apenas um funcionário. 

Já em relação à questão financeira, também há um impeditivo: é preciso ter um faturamento anual máximo de R$ 81 mil. Caso seus serviços ultrapassem esse valor, infelizmente, não será possível integrar o MEI. 

Continuando com as exigências desta modalidade, o microempreendedor individual precisa também cumprir com duas obrigações fiscais muito importantes.  

A primeira delas é a DASN-SIMEI, que é a declaração anual de faturamento. Ela deve ser feita sempre até o dia 31 de maio de cada ano, impreterivelmente. Por este motivo, preste atenção para não perder o prazo. 

A segunda gira em torno de uma dúvida bem comum: será que comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios MEI paga imposto? 

A resposta é sim, existe uma contribuição chamada de DAS MEI (Documento de Arrecadação do Simples Nacional), cujo valor é fixo e deve ser pago todos os meses. 

Este é o único imposto que o profissional MEI precisa pagar, pois nele estão incluídas outras tributações, como ICMS, ISS e INSS.

– Quais os benefícios do MEI comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios?

O comerciante independente de bicicletas e triciclos; peças e acessórios MEI conta com todos os benefícios previdenciários, como auxílio reclusão e saúde, pensão por morte, aposentadoria e salário maternidade. 

Caso realize a contratação permitida de um funcionário para seu negócio, vai arcar com uma carga tributária bem menor do que a vista em outros modelos. 

Ainda, se for investir em seu empreendimento e precisar de empréstimo, terá acesso a crédito facilitado em diversos bancos. 

– O que não se encaixa nas atividades de comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios?

Mesmo que sua atuação no varejo possibilite uma oferta ampla de produtos, o CNAE de comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios não compreende a venda de brinquedos e artigos recreativos. 

Na sequência, confira mais detalhes sobre a hierarquia desta subclasse. 

Atividades permitidas para Comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios independente MEI

Código Descrição
4763603 Comércio varejista triciclos
4763603 Comércio varejista bicicletas
4763603 Comércio varejista peças e acessórios para bicicletas e triciclos

CNAE Comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios independente MEI

Hierarquia de atividades
Seção G Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas
Divisão 47 Comércio varejista
Grupo G Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas
Classe 47636 Comércio varejista de artigos recreativos e esportivos
CNAE 4763603 Comércio varejista de bicicletas e triciclos; peças e acessórios

Ferramentas para a atividade de comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios MEI 

A atuação do comerciante de bicicletas e triciclos; peças e acessórios MEI, geralmente, é realizada com a abertura de uma loja física, que serve como espaço para exposição de produtos. 

Para este tipo de negócio, é necessário investir em suportes para bicicletas, prateleiras para  armazenar as peças, balcão para atendimento, embalagens, computador, impressora, caixa registradora, entre outros.